Em julho chega a nova geração do Corvette

Depois de ser adiada em razão de problemas com o projeto elétrico da oitava geração do Corvette, a data da apresentação do modelo está confirmada: 18 de julho de 2019.

Além da data, um novo detalhe revelado pelos protótipos em fase de testes do produto revelaram o conjunto óptico do modelo, com sistema DRL e lâmpadas de xenon, seguindo a cartilha da modernidade.

Também é possível observar na imagem acima, além dos faróis, que o modelo terá ângulos bem definidos no desenho da carroceria, lembrando o formato dos super-esportivos italianos como Lamborghini e Ferrari.

Motor central é novidade

O Corvette de oitava geração, chamado pelos entusiastas como C8, será o primeiro a adotada a posição central do motor. Ainda não está confirmado pela Chevrolet, mas são esperadas versões com o tradicional V8 smallblock Chevrolet e combinações híbridas com motores elétricos.

Um velho sonho de Zora

Zora Arkus-Duntov nasceu na Bélgica e entrou na GM em 1953 nos Estados Unidos como engenheiro assistente. Sempre ligado às pistas, inclusive como piloto, chegou a vencer duas vezes a clássica 24 Horas de Le Mans. Não por acaso, Zora sempre foi um aficionado por Corvettes.

Sempre foi sonho de Zora o lançamento do Corvette com o motor na posição central. Por meio do que foi batizado de CERV – Chevrolet Engineering Research Vehicle, Zora participou do desenvolvimento de três protótipos com esta configuração.

Zora morreu em 1996, e infelizmente não teve oportunidade de presenciar o lançamento de um Corvette de produção com o motor em posição central. Apesar disso, esteja ele onde estiver, certamente estará feliz tão logo o modelo esteja à venda.